Origem do Halloween

Quando se fala em Halloween logo vem a cabeça doces, travessuras, fantasias aterrorizantes, abóboras assustadoras etc.

Mas, a verdade é que estas características são recentes na história deste movimento e surgiram junto com a modernidade e com os aspectos culturais dos Estados Unidos.

Além disso, outra grande crença é que este dia surgiu através dos norte-americanos, porém trata-se de uma celebração de raízes inglesas, mas que se popularizou por todo o mundo, inclusive no Brasil.

A palavra deste movimento deriva de “All Hallows’ Eve”, que significa véspera do dia dos santos, data celebrada no dia 1 de novembro. Porém, a sua origem tem relação com o festival celta de Samhain, que celebra o fim de verão e a abundância da colheita.

O evento de duração de três dias, começava no dia 31 de outubro e era tido como uma forma de homenagear o rei dos mortos. Uma das características principais era a fogueira usada na comemoração.

A partir de então as fogueiras tomaram uma proporção maior dentro da sociedade e passaram a ser utilizadas como forma de representar o que ocorria com as almas no purgatório ou também para afastar bruxarias ou peste negra.