Lucros da Primark caem 60%

A cadeia têxtil Primark informou esta terça-feira que o seu lucro operativo caiu 60% até setembro, até 362 milhões de libras (401,94 milhões de euros), como consequência do fecho das suas lojas durante os confinamentos da primeira vaga de coronavírus.

O colapso “total das vendas” da empresa irlandesa registado, principalmente, durante o terceiro trimestre fiscal, gerou receitas anuais de 5.895 milhões de libras (6.542 milhões de euros), menos 24% que em 2019-20, segundo os resultados apresentados esta terça-feira pelo seu grupo matriz, o britânico Associated British Food (ABF).

A empresa especificou que as vendas na Europa continental caíram 17% desde a reabertura das lojas em meados de julho até setembro, como consequência das restrições de combate ao coronavírus, “particularmente em Portugal e Espanha”.

A Primark, com presença em doze países, destacou em comunicado que as suas vendas, antes da crise, tinham aumentado 4% durante o primeiro semestre relativamente ao período anterior, impulsionadas principalmente pela abertura de quatro novas lojas em França, duas na Alemanha e Espanha e uma na Polónia, Reino Unido, Bélgica e Itália.

Fonte:EFE